Maquiagem na região dos olhos pode causar problemas oculares

make

 

De acordo com dados divulgados pela Sociedade Brasileira de Oftalmologia (SOB), duas em cada dez mulheres apresentam problemas oculares causados pelo uso incorreto de produtos de maquiagem na região dos olhos. Dentre as causas, as mais comuns são utilização de itens vencidos, limpeza de pele incorreta e falta de cuidado durante a aplicação.

O uso inadequado de maquiagem pode causar lacrimejamento, coceira e irritação, conjuntivite, calculoses da pálpebra (acúmulo de resíduos na região) e olho seco, além de quadros mais graves como Blefarite (inflamação das pálpebras) e Ceratites traumáticas (inflamação da córnea).

Entretanto, não é necessário que as mulheres interrompam o uso de maquiagem na região dos olhos. Por meio de cuidados simples é possível evitar problemas oculares decorrentes do uso de maquiagem:

  • Utilizar produtos de qualidade e dentro da data de vencimento;
  • Lavar bem as mãos antes da aplicação dos produtos;
  • Fechar os cosméticos logo após o uso para evitar contaminação;
  • Lavar as escovas de rímel com frequência e trocá-las a cada três meses para evitar crescimento de micro-organismos;
  • Não compartilhar produtos de maquiagem;
  • Fazer a maquiagem após a colocação de lentes de contato e retirá-las antes da remoção dos produtos;
  • Evitar sombras com purpurina, usando preferencialmente as compactas (e não as líquidas ou cremosas);
  • Utilizar pó facial compacto para que o excesso não se deposite nos cílios;
  • Usar o delineador por baixo da borda palpebral para evitar obstrução das glândulas da pálpebra;
  • Dar preferência ao rímel a base de água;
  • Remover a maquiagem (nunca dormir com ela) com uso de demaquilante próprio para a região dos olhos.

Ao perceber qualquer sinal de desconforto após o uso de maquiagem, é necessário suspender o uso dos cosméticos e procurar um oftalmologista o mais breve possível.

0 comentários

Deixe seu comentário