Catarata está ligada ao envelhecimento

catarata

A catarata é uma opacificação da lente natural do olho, chamada cristalino, que se encontra localizada atrás da íris (parte colorida do olho). O avanço da idade causa o envelhecimento do cristalino, tal como acontece com outros órgãos do corpo. O resultado é o aparecimento de catarata, muito comum a partir dos 70 anos de idade. Todas as pessoas caminham para a opacidade porque envelhecem. Com o envelhecimento da população e o aumento da expectativa de vida, os problemas relacionados à idade necessitam de cuidados e no caso da catarata, cirurgia.

A Facectomia é o procedimento realizado para o tratamento da catarata. Durante a cirurgia, o cristalino é emulsificado (desmanchado) e removido. Para substituir o cristalino, uma lente artificial é implantada. Nos últimos anos, a descoberta de novas técnicas trouxe maior segurança e conforto na cirurgia de Facectomia.

Existem muitas opções de lente intraocular (LIO) e a escolha é realizada por meio de exames que indicam qual a melhor opção para cada caso. Com o uso das lentes intraoculares dobráveis, é possível realizar o procedimento sem a necessidade de pontos (por não ser rígida, a LIO pode ser dobrada e implantada por meio de uma incisão com menos de três milímetros). Além disso, algumas dessas lentes permitem também a correção de erros de refração como miopia, astigmatismo e hipermetropia.

Quando não tratada, a catarata pode levar à cegueira, porém, a cirurgia corretiva é considerada pelos médicos uma intervenção simples que já mostra resultados em 24 horas.

O avanço da doença pode tornar o tratamento cirúrgico mais traumático, comprometendo a recuperação imediata da visão. O ideal é que o tratamento tenha início quando a catarata está em fase inicial.

0 comentários

Deixe seu comentário